Taiko de Dracena é o melhor do Brasil na categoria junior

O grupo Seishin Daiko conquistou o título de campeão brasileiro, no 15º Festival Brasileiro de Taiko, organizado pela Associação Brasileira de Taiko, em Serra Negra, no último sábado.

Publicado em: 11/09/2018 09:09
Os dracenenses conquistaram o título nacional e podem representar o país no Japão, na foto com os pais e integrantes da Adec (Foto: Cedida Vanessa Matsumoto)

Os dracenenses conquistaram o título nacional e podem representar o país no Japão, na foto com os pais e integrantes da Adec (Foto: Cedida Vanessa Matsumoto)

As famílias integrantes da Adec (Associação Dracenense de Educação e Cultura) têm motivos para comemorar. O grupo Seishin Daiko conquistou o título de campeão brasileiro, na categoria junior (de 13 a 17 anos), no 15º Festival Brasileiro de Taiko, organizado pela Associação Brasileira de Taiko, em Serra Negra, no último sábado, 8. O título inédito para a Cidade Milagre possibilita que a jovem equipe represente o Brasil no Japão em março do próximo ano. Na categoria livre (acima de 18 anos), Dracena ficou em 4º lugar.

De acordo com o presidente do departamento de Taiko César Kazumi Tabuse e o líder Leandro Kenji Miyaguchi, Dracena participou do Festival com quatro equipes: uma equipe na categoria mirim, uma equipe na categoria livre e duas equipes na categoria junior (junior A e junior B). A campeã brasileira foi a equipe junior A com 13 tocadores: Caio César Kenzo Tabuse; João Paulo Yuji Tabuse; Larissa Sayuri Matsumoto; Isabela Kaori Kawakita Asami; Daniela Naomi Matumoto; Thaisa Yukari Matumoto; Davi Bologna Raposo; Polyana Karino; Leticia Naomi Isawa; Luana Ayumi Isawa; Vanessa Rye Isawa, Alan Kazumi Makino e Alessandro Kazuya Takagi.

No total, Dracena levou 38 tocadores para a competição que reuniu equipes de todo o país nas categorias Junior (13 equipes), Mirim (7 equipes), Máster (4 equipes), Livre (9 equipes) e Odaiko (individual com 9 equipes). Ainda de acordo com Tabuse, a equipe apresentou três músicas: a primeira foi uma música de um minuto que o juiz apresenta às equipes; depois a equipe teve também teve o tempo cronometrado para apresentar uma música com o tema da imigração japonesa na região (com sons que remetiam ao trem e à colheita café, por exemplo) e outra relativa à arte do Taiko.

O presidente do departamento do Taiko revelou que no teste de palco um dia antes, a apresentação da equipe Junior não estava casada adequadamente com o tempo necessário. “No dia da apresentação, fiquei cronometrando, deu tudo certo”, contou.   

Tabuse comentou que o grupo de Taiko dracenense vem se dedicando e perseverando na busca pelo título uma vez que nos últimos dois anos foi vice-campeão. “É necessário muito treino e dedicação para conquistar títulos, a equipe estava treinando diariamente. Agradecemos aos pais pelo apoio e incentivo às crianças, eles são primordiais para que as crianças perseverem no Taiko, e aos patrocinadores Colégio Objetivo de Dracena e Haras Yoshimura”.

FESTIVAL - O Festival Brasileiro de Taiko é um evento anual que reúne as equipes associadas à ABT para o campeonato em diferentes categorias. Baseado nos moldes do concurso que ocorre no Japão, o festival, também conhecido como “Campeonato Brasileiro de Taiko”, é uma oportunidade para as equipes serem avaliadas por uma banca de jurados composta por personalidades experientes com competência cultural e técnica na arte do Taiko (Sensei).

 

Por Letícia Pinheiro Da Redação

Portal Regional



Qualquer reclamação, dúvida, comentário ou sugestão são bem vindos.

0800-7723010 | (18) 3851-9020 | (18) 99708-1491

Av. 09 de Julho, 683 - Conj.22 - Centro - Tupi Paulista

portal@abcrede.com.br



Todos os direitos reservados - Permitida a reprodução do conteúdo deste portal desde que autorizada.

Precisando de Internet? Conheça a abcRede Telecom.